FRAUDE COM NOME DO SINDIFAM

A diretoria do SINDIFAM alerta aos filiados para ficarem atentos a um golpista que está se passando como representante da entidade e telefonando aos fazendários pedindo para fazerem depósitos a título de honorários advocatícios. Se alguém entrar em contato se dizendo nosso advogado e pedir pagamento em conta pessoal, responda que vai procurar a polícia e desligue o telefone.

Segundo denúncias recebidas de filiados, eles receberam ligação de pessoa se passando por advogado do SINDIFAM, se identificando como Carlos Alberto e solicitando depósito numa conta da Caixa Econômica Federal, agência 2183. Uma pesquisa na internet mostra se tratar de uma agência da cidade de Fortaleza, no Ceará.

Os advogados do Sindicato não pedem pagamento quando entram em contato com nossos representados. A forma de pagamento de honorários advocatícios decorrentes de êxitos em processos judiciais encabeçados pela entidade será sempre objeto de deliberação em assembleia da entidade, com ampla participação dos filiados e posterior divulgação ostensiva do quanto decidido pelos membros da categoria.

Pedimos aos colegas que fiquem atentos e não caiam nesse golpe. Qualquer dúvida sobre processos, entrem em contato com o jurídico da entidade, inclusive presencialmente, nos plantões quinzenais realizados às quartas-feiras na sede da entidade.

Sendo o que havia por informar, de momento, a Diretoria do SINDIFAM e o AB&R Advogados reafirmam o seu compromisso de continuar à frente das batalhas em prol da defesa dos interesses dos servidores fazendários do Município do Salvador, ativos e aposentados, permanecendo à disposição para maiores esclarecimentos.

Salvador, 25 de Junho de 2018

Atenciosamente,

Lázaro André Oliveira Barbosa

Presidente do SINDIFAM

Uilson Sousa Santos

Diretor Jurídico do SINDIFAM

Pedro Henrique S. S. de Braga e Leonardo Pereira de Matos

Advogados do Azevedo, Barreto & Ramos Advogados Associados